Categoria: Imprensa

Imprensa

Violência doméstica, assédio sexual e feminicídio se mantêm elevados no país durante a pandemia

Projetos Justiceiras e Me Too Brasil oferecem apoios psicológico, social e jurídico às vítimas

Imprensa

Instituto Mary Kay e Justiceiras anunciam parceria contra violência doméstica

O objetivo da parceria é ampliar a rede de apoio e orientação às mulheres, garantindo serviços como orientação jurídica e acolhimento. No Brasil, os números de casos de violência aumentaram depois do início da pandemia, segundo dados de abril.

Imprensa

Violência contra a mulher é tema do Movimento UMA

O UMA, Movimento Integrado para o Empoderamento das Mulheres é formado pela união de grupos, organizações, empresas e entidades que representam a Mulher e valorizam ações em nome de suas causas, especialmente durante o Outubro Rosa.

Imprensa

OAB SP apoia lançamento oficial do movimento MeToo Brasil

Publicado no Jornal ABC do ABC, em 24 de setembro de 2020 O movimento Me Too, que surgiu nos Estados Unidos, idealizado por Tarana J. Burke, em resposta às denúncias de…

Imprensa

É disso que o Brasil precisa, Magalu.

O INW está entre as mais de 73 organizações que se posicionaram em defesa do programa de ações afirmativas promovido pelo Magazine Luiza.

Imprensa

Instituto oferece formação remota para organizações do Terceiro Setor

O Instituto Nelson Wilians (INW) está promovendo cursos online para o aprimoramento de profissionais e gestores de organizações do Terceiro Setor de todo o país

Imprensa

Advogadas criam #MeTooBrasil

Iniciativa oferece apoio jurídico, psicológico e socioassistencial para denunciantes; assédio no mercado de trabalho é marcado por poder econômico, influência, poder e admiração, diz idealizadora

Imprensa

Projeto “Justiceiras” marca a comemoração dos 14 anos da Lei Maria da Penha

Em 4 meses o Projeto já acumula quase 1.500 casos atendidos espalhados por 23 estados mais o DF

Imprensa

Artigo: ‘Lei Maria da Penha e os novos canais de denúncia’

Nesta sexta-feira, 7, a Lei Maria da Penha completa 14 anos. Os registros mostram que a norma permanece extremamente necessária, infelizmente. De acordo com levantamento de 2019 do SINAN (Sistema de Informação de Agravos de Notificação), uma mulher é agredida a cada 4 minutos no País.

Imprensa

Violência doméstica: Projeto Justiceiras oferece amparo gratuito

Programa se propõe a acolher e fortalecer a vítima para que ela se sinta preparada o suficiente para formalizar uma denúncia nos órgãos competentes